Ir al contenido

Cesta

La cesta está vacía

Ticiano
|

Ticiano

Autorretrato de Ticiano Vecellio.
DADOS DO ARTISTA
Nome de nascimento: Ticiano Vecelli (ou Vecellio).
Nome artístico: Ticiano.
Nacionalidade: Itália
Ano de nascimento: Cerca de 1490, Pieve di Cadore, Vêneto, Itália.
Ano de morte: 1576, Veneza.
Período: Alto Renascimento italiano
Estilos: Renascentista, Maneirismo, Escola veneziana

Conhecido pela sua pincelada decidida, enérgica e muito expressiva, o pintor renascentista Ticiano Vecellio, também chamado apenas de "Ticiano", foi o membro mais destacado da escola veneziana. Manejava como ninguém as composições assimétricas e sem hierarquia. Muitos dos alicerces do seu estilo foram esculpidos a partir das ideias do grande mestre Giovanni Bellini, após sua morte, Ticiano as evoluiu e continuou modernizando durante toda a sua vida.


Quadros de Ticiano

Há muitos casos na história, onde os pintores são reconhecidos postumamente, Ticiano não é o caso, pelo contrário, foi qualificado por seus próprios colegas como um grande mestre. Polivalente em sua perícia para diferentes gêneros e temáticas: retrato, paisagem, altar, pintura histórica, cenas bíblicas, alegoria, mitologia, naturalismo, etc.

Para comprar acesse a loja na seção quadros de Ticiano a óleo.



  • "Alegoria do tempo governado pela prudência"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1570
    Localizada em: The National Gallery, Londres
    Estilo: Renascimento
    Título original: Allegoria della Prudenza
    Título (inglês): Allegory of Prudence
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Obra conceitual cheia de simbologia, onde o autor quer destacar sua ideia sobre as idades do homem e suas características.

    Não existe uma interpretação oficial nem única entre os especialistas, mas todos concordam que se exalta a figura do homem em seu ponto de maturidade, já que dos três representados é o único que olha para o presente e tem a virtude da prudência.

    Tecnicamente esta alegoria é um retrato de 3 pessoas mais 3 animais, as figuras e iluminação são realistas.

    Na parte superior lêem-se três frases:
    "EX PRAETERITO", "PRAESENS PRUDENTER AGIT" e "NE FUTURA ACTIONẼ DETURPET".

    Significam respectivamente:
    "Do passado", "Prudência no presente" e "Não arruinar os atos do futuro".


  • "Amor sacro e amor profano"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1514
    Localizada em: Galeria Borghese, Roma.
    Estilo: Maneirismo
    Título original: Amor sacro e Amor profano
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Composição de temática mitológica, objeto de numerosas interpretações, muitas vezes contraditórias. Os elementos simbólicos incluídos são: fonte com entalhe (no centro), 2 lebres, Cupido (figura infantil central), construção fortificada (esquerda), igreja (direita).


  • "Assunção da Virgem"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1518
    Localizado em: Basílica de Santa Maria dei Frari, Veneza.
    Estilo: Renascimento
    Gênero: Alegoria
    Título original: Assunta
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tábua de madeira

    Trata-se do maior óleo que há e que houve na cidade de Veneza até hoje, permanece no mesmo local original, onde foi pintado. Em grande parte, esta obra foi responsável por catapultar a fama de Ticiano na área, embora não sem polêmica, já que muitos próximos à congregação tinham sérias dúvidas sobre a qualidade da pintura.

    Retábulo alegórico que mostra a assunção da Virgem Maria, isto é, o momento em que foi levada por Deus ao céu, em carne e osso, como descreve a tradição cristã. Considera-se obra modelo do estilo renascentista italiano.

    Na camada inferior, os apóstolos simbolizam aqueles que ainda vivem no mundo e clamam ao céu pela intercessão dela. A figura central da Virgem, caminhando sobre as nuvens, aparece totalmente rodeada de anjinhos e querubins. Na parte superior aparece Deus Pai, iluminado e olhando para baixo, ao lado de dois anjos.


  • "Baco e Ariadne"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1520
    Localizado em: The National Gallery, Londres
    Estilo: Maneirismo
    Tema: Mitologia grega
    Título original: Baco e Ariadna
    Título (inglês): Bacchus and Ariadne
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Este quadro de temática mitológica foi um dos encomendados originalmente pelo duque Alfonso I de Este a Rafael Sanzio, que morreu tendo apenas começado. O propósito da obra foi decorar uma estância de uma das residências do Duque.

    Descreve um episódio literário, onde o deus Baco (ou Dionísio), desce do carro para atrair a bela filha de reis Ariadna.

    Aqui, Ticiano demonstra sua superlativa habilidade como anatomista, ao desenhar as mais heterogêneas criaturas, humanas, semi-humanas e animais.


  • "Dánae"
    Autor: Ticiano
    Ano: 1565
    Localizado em: Museu do Prado
    Estilo: Maneirismo
    Título original: Danae
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Trata-se de um retrato de Danae, personagem da mitologia grega, em uma cena amplamente tratada pelo artista ao longo de sua carreira.

    Esta cópia em particular foi adquirida pelo próprio Diego Velázquez, que era um admirador público de Ticiano e o considerava um de seus principais referentes pictóricos.


  • "Davi e Golias"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1542
    Localizado em: Basílica de Santa Maria da Saúde, Veneza.
    Estilo: Maneirismo
    Título original: Davide e Golia
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Esta é uma das três obras que Ticiano pintou para instalar no teto da basílica. As outras duas mostram "Caim e Abel" e "O Sacrifício de Isaac".

    Num incêndio em 2010, sofreu danos pela água despejada nas operações de extinção, mas foi quase totalmente recuperado.

    O ponto de vista da cena é de baixo para cima, dando maior destaque ao céu e ao raio de luz que aparece entre as nuvens. A iconografia utilizada é muito incomum nesta cena bíblica, pois mostra David rezando ao céu, depois de ter derrotado o gigante.


  • "Noli me tangere"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1514
    Período: Alto Renascimento
    Título em inglês: Cristo e Maria Madalena (Noli me tangere)
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Pertence ao período mais precoce do artista, fortemente impregnado da mais pura escola veneziana. Mostra a passagem bíblica muitas vezes pintada, onde Maria Madalena quer agarrar-se ao Senhor ao vê-lo ressuscitado, ao que ele diz:
    "Não me toques, pois ainda não subi ao Pai. Vai e anuncia aos meus irmãos..."


  • "A Madalena penitente"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1560
    Localizado em: Museu J. Paul Getty, Califórnia.
    Estilo: Alto Renascimento
    Título em inglês: A Penitente Madalena
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Esta é uma das pelo menos 7 versões muito semelhantes nas quais Ticiano retratou o mesmo personagem bíblico. Durante a Contra-Reforma, quando a Igreja Católica experimentava um de seus maiores cismas após o surgimento do protestantismo. Com imagens como esta, buscava-se exaltar as origens e tradições do catolicismo.

    Esta versão em particular foi usada pelo artista como modelo para as outras, estudos com raios-X revelaram a grande quantidade de mudanças que ela tem, o que indica que foi preservada e retocada ao longo de vários anos.


  • "A Pietá"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1575
    Localizado em: Galeria da Academia de Veneza.
    Estilo: Renascimento
    Título original: Pietà
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Trata-se da última pintura conhecida feita por Ticiano, que após sua morte foi finalizada por seu discípulo apelidado Palma o Jovem.

    Apresenta uma cena imaginária de 5 personagens bíblicos em um ambiente arquitetônico ao estilo romano. Os personagens descrevem um perfeito triângulo de Kepler, ascendendo da esquerda para a direita: Moisés, Maria Madalena, A Virgem Maria, Jesus e Nicodemos.


  • "São João Evangelista em Patmos"
    Autor: Ticiano
    Ano: cerca de 1547
    Localizado em: Galeria Nacional de Arte (NGA), Washington, D.C., EUA
    Estilo: Alto Renascimento
    Título (inglês): Saint John the Evangelist on Patmos
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Obra de grande porte para ser exibida no alto, destaca pela pincelada decidida nas figuras e difusa no fundo, características do artista.


  • "Vênus ao espelho"
    Autor: Ticiano
    Ano: 1555
    Localizada em: Galeria Nacional de Arte (NGA), Washington, D.C., EUA
    Estilo: Alto Renascimento
    Título original: Venere allo specchio
    Título (inglês): Venus with a Mirror
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    O artista realizou este mesmo tema várias vezes durante sua carreira, considerando-se esta versão como a mais completa. Mostra uma cena da mitologia romana, onde a deusa Vênus (do amor e da beleza) se admira a si mesma em um ambiente palaciano, auxiliada por um par de anjos, um deles prestes a colocar uma coroa, enquanto o outro segura o espelho.


  • "Vênus de Urbino"
    Autor: Ticiano
    Ano: 1538
    Localizada em: Galeria Uffizi, Florença.
    Estilo: Maneirismo
    Também conhecida como: Vênus do cachorrinho
    Título original: Venere di Urbino
    Título (inglês): Venus of Urbino
    Tipo: Quadro
    Técnica: Óleo
    Suporte: Tela

    Esta obra debate-se entre a realidade e a mitologia. Ao contrário do que sugere o título, a donzela protagonista é na verdade uma pessoa de carne e osso, como simboliza o cão que está acocorado a seus pés. No fundo, vêem-se duas criadas em um ambiente no limite do idílico.

Queres uma reprodução a óleo de Ticiano em tua casa?
Compra na seção de quadros de Ticiano a óleo

Pintores famosos relacionados:


↑Subir